18.12.10

No dia em que era suposto os Sul Africanos apanharem os aviao 'as 5 decidi fazer uma ultima tentativa e fui com um deles ( o outro desistiu) 'a Imigracao assim que abriu para saber quais as possibilidades de lhe darem uma extensao do visto. Precisavam de uma confirmacao por escrito com os detalhes do meu barco. Voltei 'a base , corri uns tantos escritorios e uma hora depois tinha uma carta da Tui Marine a confirmar que o BE433#33 esta' para chegar , vai para La Paz , eu sou o capitao e tenho a escolha da tripulacao. Voltamos com isto 'a Imigracao , esperamos mais uma horas , expliquei o caso e a senhora deu ao Casey uma extensao de dez dias . Telefonamos para a Cidade do Cabo e pudemos cancelar o voo dele , pelo que fica com o credito para regressar mais tarde.No dia anterior tinham ficado devastados , nesse dia o Casey ficou extatico , e eu proprio fiquei muito satisfeito. Nao tenho 2 tripulantes mas um chega , e ainda posso apanhar alguem antes de partir , se acontecer.

Estou instalado num Leopard 46 velho , no fundo da doca de servico com mais 2 capitaes Sul Africanos , um que eu conheco bem de outros carnavais , outro que conheci agora e parece que nos conhecemos ha 10 anos.Faltam 3 dias para o navio com os nossos barcos chegar a St.Thomas ( ainda nao sabemos se somos nos que vamos la' buscar os barcos ou se sao os pilotos da casa que os trazem) , depois disso temos pelo menos dois dias de inspeccoes e preparacao .

Entretanto confirmei que em Fevereiro vou ao Brasil mudar um barco de Salvador para Belem , um Halberg Rassy 45 que ha 6 anos levei de Cuba para Gibraltar. Foi bom o dono ter-se lembrado de mim e da vantagem que 'e eu conhecer aquela costa e falar Portugues , mas isso nao o impediu de regatear ao maximo . Altera-me os planos ligeiramente , volto a Portugal em fins de Marco em vez de fins de Fevereiro , isto se nao decidir passar por Lisboa a caminho de Salvador. Logo se ve , mas o importante e inalterado 'e que os dias de Fort Lauderdale acabaram e em Agosto o mais tardar estou na Ilha , a tratar do que 'e verdadeiramente importante .

1 comentário:

Rui Silva disse...

O que me trouxe aqui da primeira vez foi precisamente essa viagem de há seis anos.